Bequisa
Atendimento
Você está em: Home> Catálogo > Pós-Colheita

GASTOXIN® B57

GASTOXIN® B57
Culturas:  Amendoim, Arroz, Cacau, Café, Cevada, Farelo de soja, Farinha, Feijão, Fumo, Milho, Soja, Sorgo, Trigo, Algodão
Praga Alvo:  Cupins, Besouro, Besouro/Besourinho, Besouro-castanho, Bicho-do-fumo, Bicudo, Caruncho, Caruncho-dos-cereais, Caruncho-dos-cereais / Gorgulho, Lagarta-rosada, Traça, Traça do fumo, Traça-da-farinha, Traça-do-cacau , Traça-dos-cereais, Bicudo, Traça-indiana-da-farinha,Traça-dos-cereais
Principio Ativo:  Fosfeto de Alumínio
Descrição: 

Existem vários inseticidas para o controle de pragas em produtos armazenados, porém, para combater todas as formas de desenvolvimento do inseto (ovo, larva, pupa e adulta), que se encontram dentro da
estrutura dos grãos, somente o expurgo garante pleno sucesso.
Desenvolvido para as condições de clima tropical, GASTOXIN® B57 destaca-se pela segurança na aplicação, garantindo o melhor custo x benefício no controle de insetos, sem deixar resíduos químicos nos produtos expurgados.
O GASTOXIN® B57 é composto por Fosfeto de Alumínio (57% m/m), inertes e coadjuvantes, apresentado em três formas diferentes:

Comprimidos Fumigantes de 0,6g cada um, diâmetro de 9mm e superfície esférica;
Pastilhas Fumigantes de 3g cada uma, diâmetro de 16mm e superfície esférica.
Sachês Fumigantes compostos por saquinhos permeáveis com 34g de produto na forma de pó seco.

Leia também:

COMO FUNCIONA GASTOXIN® B57

APRESENTAÇÕES GASTOXIN® B57

PROCEDIMENTOS PARA FUMIGAÇÃO OU EXPURGO

Fichas de Emergência:

GASTOXIN® B57 Pastilhas e Comprimidos

GASTOXIN® B57 Sachets

COMO FUNCIONA GASTOXIN® B57

O produto reage com a umidade atmosférica para produzir Fosfeto de Hidrogênio ou Fosfina (PH3), da seguinte maneira: AIP + 3H2O AI(OH3) + PH3
O calor e a umidade do ar aceleram a reação, enquanto que o frio e o ar seco têm efeito oposto. Por exemplo, quando a temperatura e a umidade do local a ser fumigado forem elevadas, a decomposição do GASTOXIN® B57 pode completar-se em menos de 3 dias.

Entretanto, sob temperaturas moderadas e baixa umidade, a completa decomposição pode requerer 5 dias ou mais. Esta reação começa lentamente e vai se acelerando gradualmente, até a completa reação do Fosfeto de Alumínio.
Cada grama de GASTOXIN® B57 libera um terço de seu peso em Fosfina (PH3).
A Fosfina é um gás muito tóxico aos insetos, homens e outras formas de vida animal. É uma molécula extremamente volátil e com alta pressão de vapor. Esta combinação, aliada à alta toxicidade aos insetos, mesmo em baixas concentrações, confere ao GASTOXIN® B57 uma larga eficiência como fumigante.
O GASTOXIN® B57 também contém carbamato de Amônia, que libera Amônia e Dióxido de Carbono. Estes gases são essencialmente anti-chamas e atuam como agentes inertes para reduzir os riscos de inflamabilidade. A Amônia serve também como gás de alarme.
Após a decomposição do GASTOXIN® B57, temos como resíduo um pó cinza claro, composto basicamente de Hidróxido de Alumínio, que é uma substância inerte.

APRESENTAÇÕES GASTOXIN® B57

A BEQUISA desenvolveu uma grande variedade de embalagens do GASTOXIN® B57 visando atender especificamente a necessidade técnica e econômica do armazenador brasileiro, em função do tipo e tamanho de sua unidade armazenadora.

EMBALAGEM DESTINAÇÃO VOLUME

PASTILHAS DE 3g
Envelopes aluminizados com 3 pastilhas, acondicionados em barricas. Peso líquido: 100 envelopes x 3 pastilhas x 3g = 900g.
Caixa-despacho: 8 barricas = 7,2kg

Pequena Propriedade 1 envelope com 3 pastilhas de 3g para um volume de 1,5 m³

PASTILHAS DE 3g
Garrafas de 90 gramas com 30 pastilhas.
Caixa-despacho: 128 garrafas = 11,52 kg

Pequena Propriedade 1 garrafa de 90 gramas para um volume de 15 m³

PASTILHAS DE 3g
Garrafas de 1 kg com 333 pastilhas. Caixa-despacho: 21 garrafas = 21 kg

Médias e Grandes Unidades Armazenadoras

1 garrafa de 1,0 kg para um volume de 166,66 m³

PASTILHAS DE 3g
Garrafões de 1,5 kg com 500 pastilhas. Caixa-despacho: 14 garrafóes = 21 kg

Médias e Grandes Unidades Armazenadoras 1 garrafão de 1,5 kg para um volume de 250 m³

COMPRIMIDOS DE 0,6 g
Garrafas de 1 kg com 1666 comprimidos, acondicionadas em caixa-despacho com 21 garrafas.
Caixa-despacho: 21 x 1 = 21 kg

Médias e Grandes Unidades Armazenadoras 1 garrafa de 1 kg para um volume de 165 m³
SACHÊS DE 34g
Latas com 10 sachets interligados.
Caixa de despacho: 40 x 340g = 13,6kg
Médias e Grandes Unidades Armazenadoras 1 lata de 340g para um volume de 34 m³

SACHETS de 34g
Latas com 4 tiras de 25 sachets interligados ou 10 tiras de 10 sachets interligados.
Caixa-despacho: 4 x 1 = 13,6 kg

Médias e Grandes Unidades Armazenadoras 1 lata de 3,4 kg para um volume de 560 m³

PROCEDIMENTOS PARA FUMIGAÇÃO OU EXPURGO

FATORES BÁSICOS PARA O SUCESSO DE UMA FUMIGAÇÃO OU EXPURGO:

1) Higienização;
2) Dosagem;
3) Tempo de exposição;
4) Hermeticidade e vedação do local;
5) Temperatura e umidade adequadas.

Nota importante: A vedação de pilhas ou blocos deve ser feita através de lonas plásticas próprias para fumigação, como as de PVC ou polietileno, com espessura mínima de 150 microns.

Nunca utilizar lonas com rasgos ou furos, por menores que sejam, lonas pretas, lonas comuns com material reciclado ou não ou encerados utilizados no transporte rodoviário, em razão dos mesmos não conferirem a hermeticidade necessária à operação de fumigação ou expurgo.

DOSAGENS RECOMENDADAS PARA OS VÁRIOS TIPOS DE FUMIGAÇÃO:

Levando em conta que a Fosfina é uma gás e que, portanto, sua ação de expansão se dá através dos espaços vazios e no interior dos materiais a serem fumigados, recomenda-se que a dosagem seja calculada sempre em função do volume (m3) do total a ser ocupado.
Não se deve calcular esta dosagem pela tonelada de produto devido às diferenças de densidade de cada material, como demonstrados em alguns exemplos a seguir:


Produto

Densidade aparente (média) Kg / m3

Milho

750

Trigo

800

Feijão

775

Arroz com casca

580

Café

370

Café beneficiado

640

As dosagens recomendadas para cada tipo de tratamento devem ser observadas na bula do produto.
TEMPO DE EXPOSIÇÃO
O tempo de exposição é o tempo necessário entre a aplicação do GASTOXIN® B57, sua reação com a umidade do ar para a liberação do gás fosfina e a sua difusão para expandir-se por todo o espaço a ser fumigado, considerando a dosagem ideal para eliminar todos os insetos presentes, em seus diversos estágios de desenvolvimento.
As indicações apresentadas no quadro a seguir, mostram as recomendações básicas sugeridas pela BEQUISA S/A

Acima de 25º C Sementes em geral - 96 h
Grãos de feijão ou sementes - 72h
Grãos armazenados,
farinhas, cacau, fumo,
algodão em pluma.
Ensacados - 120h
Silos - 240h
Graneleiros - 288h
Entre 15º C e
25º C
Aumentar o tempo acima sugerido em 20% exceto para sementes.
Inferior a 15º C Fica impossibilitada a fumigação

Para todos os casos de fumigação de produtos a granel, em armazéns graneleiros e silos, excetuando-se os de uso de dosadores automáticos de comprimidos, a dosagem total determinada deverá ser distribuída na proporção (aproximada) de 90% na parte superior da massa de grãos e 10% distribuídos na parte inferior, entre as bocas de descarga, sistema de aeração, etc.

ARMAZÉNS CONVENCIONAIS (SACARIAS, FARDOS, ETC.)

Cobrir a pilha ou conjunto de pilhas com a lona especial para expurgo, ajustá-la bem e deixar uma sobra de aproximadamente 50 cm em suas laterais inferiores para colocação das "cobras de areia", feitas de lona ou tecido, para perfeita vedação das bordas da lona.

Quando do uso de GASTOXIN® B57 na apresentação sachet, em forma de tiras, essas devem ser fixadas entre as sacarias, caixas ou fardos, na altura média da visão do aplicador. Não aplicar sobre o piso.

ARMAZÉNS GRANELEIROS

Cobrir toda a massa de grãos com a lona especial para expurgo e vedar corretamente. Havendo sistema de termometria, utilizar lonas dotadas de velcro para permitir uma melhor vedação.

A aplicação do GASTOXIN® B57 poderá ser feita por meio de sondas, através de orifícios abertos na lona ou pelas aberturas dos velcros, tomando o cuidado de vedar novamente esses locais abertos.

No caso de expurgo com sachê, as tiras devem ser estendidas na superfície da massa de grãos e enterradas a uma profundidade entre 20 cm a 30 cm.

SILOS VERTICAIS METÁLICOS E DE CONCRETO:

Neste caso, se houver dosador automático, o GASTOXIN® B57 poderá ser aplicado por meio deste aparelho. De outra forma, a exemplo da operação de fumigação em armazéns graneleiros, cobre-se a massa de grãos com uma lona especial para expurgo. Em seguida, procede-se à vedação e inicia-se a aplicação do produto que se dará através de sondas na parte superior da massa de grãos, com a dosagem na proporção de 90% e os 10% remanescentes nos demais locais anteriormente descritos.

No caso de expurgo em silos verticais metálicos, além dos procedimentos descritos acima, atentar para eventuais vazamentos em suas chapas.
Quando do uso do GASTOXIN® B57 na apresentação sachet, devem ser mantidas as mesmas recomendações anteriores referentes às pastilhas e comprimidos, observando-se apenas que, neste caso, as tiras de sachet devem ser estendidas na superfície da massa de grãos e enterradas a uma profundidade entre 20 cm e 30 cm.

NAVIOS

Devem ser seguidas as mesmas recomendações referentes aos graneleiros. Verificar possíveis vazamentos no compartimento da tripulação no caso de fumigação do porão anexo a essas áreas.

VAGÕES

A aplicação do GASTOXIN® B57 dar-se-á pelas escotilhas superiores mediante o uso de sonda ou caladores. A dosagem é aquela
referente ao volume total do vagão.
CONTAINERS
Verificadas as condições de vedação do container e o mesmo ter sido preenchido, aplicar o GASTOXIN® B57, fechando imediatamente as portas.

MOTIVOS PARA A ESCOLHA DO SACHÊ

  • Até 2 horas após a abertura da lata contendo sachet, a liberação do gás Fosfina é inferior a 1%, conferindo maior segurança para o aplicador;
  • Fácil de dosar e aplicar (evita erros de aplicação);
  • Economia de mão-de-obra na aplicação;
  • Liberação mais uniforme do gás Fosfina.
  • Não deixa pó residual após o expurgo.

AERAÇÃO E CARÊNCIA:

Print
Imprimir
Calculadora

Encontre o produto ideal
para a sua necessidade:



spacer




ADVERTÊNCIAS: O conteúdo deste site é estritamente informativo. Estes produtos são perigosos à saúde humana, animal e ao meio ambiente. Leia atentamente e siga rigorosamente as instruções contidas no rótulo, na bula e na receita ou faça-o a quem não souber ler. Aplique somente as doses recomendadas. Mantenha afastadas das áreas de aplicação, crianças, pessoas desprotegidas e animais domésticos. Não coma, não beba e não fume durante o manuseio do produto. Utilize sempre os equipamentos de proteção individual. Nunca permita a utilização do produto por menores de idade. Informe-se sobre o Manejo Integrado de Pragas (MIP). Primeiros socorros e demais informações, vide o rótulo, bula e a receita. Evite a contaminação ambiental, preserve a natureza. Não lave as embalagens ou equipamentos em lagos, fontes, rios e demais corpos d'gua. Não reutilize as embalagens vazias. Descarte corretamente as embalagens e restos ou sobras de produtos. Periculosidade ambiental e demais informações, vide o rótulo, a bula e a embalagem. CONSULTE SEMPRE UM ENGENHEIRO AGRÔNOMO E SIGA CORRETAMENTE AS INSTRUÇÕES RECEBIDAS. VENDA SOB RECEITUÁRIO AGRONÔMICO.